sexta-feira, 31 de maio de 2013

Aprenda a colorir seus cabelos em casa

Tudo o que você precisa saber para mudar o visual no conforto da sua casa, mas com resultado de salão 

Toda mulher gosta de mudar o visual de vez em quando. Trocar algumas peças do guarda-roupa, investir em acessórios diferentes e até trocar o corte ou a cor dos cabelos.
Entre as mulheres que escolhem colorir os cabelos para ficar com o visual renovado, 80% opta por fazer o procedimento em casa. Se você é uma dessas mulheres, ou deseja entrar para o grupo, é preciso ter alguns cuidados básicos para não se decepcionar com o resultado.
Não é só porque você optou por tingir os cabelos em casa que não conseguirá o mesmo resultado dos salões. Com algumas dicas simples é possível colorir os cabelos com segurança e sem arrependimentos.
Com que cor eu vou?
O primeiro passo – e talvez o mais difícil – quando decidimos pintar os cabelos é eleger uma tintura e uma cor.
Em uma rápida visita a uma loja de cosméticos, você poderá notar que a variedade de marcas e a gama de cores é muito vasta, então é preciso pensar bastante e escolher com calma. Antes de sair comprando qualquer produto, é importante que você saiba a diferença entre tinturas e tonalizantes.

A tintura permanente – também chamada de coloração permanente – geralmente possui amônia na formulação. Esse tipo de produto é recomendado para quem deseja uma mudança mais radical, já que a amônia age diretamente nos fios, substituindo os pigmentos naturais do cabelo pelos pigmentos da cor escolhida. Como a cor fica nos fios por mais tempo, a tintura permanente pode ser mantida apenas com o retoque da raiz.
Por outro lado, os tonalizantes são produtos de curta duração. A ausência de amônia na composição dos tonalizantes faz com que o produto não penetre nos fios com tanta intensidade e, assim, desbote mais rapidamente a cada lavagem e conforme a ação do tempo.
Também é interessante investir um pouquinho mais em produtos que possuem fórmulas enriquecidas com proteínas e nutrientes. Assim, além de colorir os cabelos, você estará tratando os fios para que fiquem mais saudáveis, macios e brilhantes.

As embalagens das tintas costumam apresentar um esquema com o resultado da coloração em cada tom de cabelo. Esse diagrama ajuda bastante a escolher o produto com o efeito mais próximo do que você deseja, mas saiba que nem sempre é possível confiar nesses resultados porque a coloração vai variar de acordo com o estado particular de cada cabelo.
Para garantir que os seus cabelos ficarão da cor que você deseja, faça o teste em uma mecha para poder ver como a química vai reagir nos seus fios. Separe uma mechinha em uma parte mais escondida do cabelo (perto da nuca, por exemplo) e passe uma pequena quantidade da mistura da tinta. Espere agir conforme indicado nas instruções do produto, enxágue, seque e confira se a cor ficou conforme o esperado. Pode ser que você não goste do resultado e acabe perdendo o produto que comprou, mas certamente é melhor tomar essa precaução do que ter que sair por aí com os cabelos com uma cor que não agradou.
Esteja preparada para mudar o visual
Cor escolhida, tinta comprada, agora é hora de colocar a mão na massa. Porém, antes de misturar os produtos e sair passando na cabeça, é preciso preparar os fios e o ambiente em que você vai fazer o procedimento.


Quando decidir colorir os cabelos, lembre-se de deixá-los sem lavar por, pelo menos, 24 horas. Esse passo é importante, pois a oleosidade natural protege os fios e, principalmente, o couro cabeludo da química presente na fórmula das tinturas.
Se você vai pintar os cabelos em casa pela primeira vez, forrar o chão com jornais velhos pode ser importante para evitar manchas. Quem já tem prática sabe que a tinta costuma escorrer e pode pingar no chão e na roupa, deixando manchas que, muitas vezes, são difíceis de tirar. Se você não quiser estragar nada, espalhe folhas de jornal no chão e onde mais achar necessário para garantir que ninguém sairá colorido além de você!
O mesmo princípio vale para as roupas. Sabe aquela camiseta velhinha que você não veste mais? Ela é ideal para uma sessão de tintura em casa. Não se esqueça de que calças e calçados também podem ser vítimas das manchas de tintura. Se seus cabelos forem compridos, uma toalha colocada sobre os ombros para repousar os fios também pode prevenir manchas, além de facilitar bastante o processo.
Depois de estar devidamente vestida e com o ambiente preparado, separe os materiais que você vai utilizar para fazer o procedimento: kit de coloração, pincel, luvas, potinho plástico, toalha, pente fino de cabo longo, presilhas, creme, capa e tudo mais o que você for precisar.
Agora sim, vamos começar a cuidar dos cabelos!
Siga o passo a passo
Seus cabelos devem estar secos e bem penteados antes de fazer a coloração. Desembarace os fios com muito cuidado e divida o cabelo em quatro partes para garantir quer o produto será distribuído igualmente. Com o auxílio de um pente ou com o cabo do pincel, separe os fios com uma linha na vertical, da testa à nuca, e outra horizontal, de orelha a orelha. Enrole cada parte do cabelo e prenda com as presilhas.
Aplique creme nas áreas do rosto que podem entrar em contato com a tinta e ficar manchadas. Alguns kits de coloração já vêm com um produto específico para isso, caso contrário, você pode passar um creme hidratante. Proteja o contorno do rosto, as orelhas, o pescoço, a nuca e a testa com a loção tendo o cuidado de não passar nos cabelos.
Prepare a tintura exatamente conforme as instruções do folheto explicativo do produto. Sempre que você comprar uma tintura diferente, consulte as instruções. Cada fabricante vai informar as técnicas específicas para que você obtenha os melhores resultados com o produto.
Vista as luvas, desprenda uma das mechas inferiores e comece a aplicar a tintura pela nuca. Em geral, os fios dessa região da cabeça costumam ser mais resistentes à ação do produto e precisam de mais tempo do que as outras partes para chegar à cor ideal.
Assim que terminar de aplicar toda a mistura nos cabelos, verifique qual é o tempo de ação que o fabricante indica e espere exatamente o tempo recomendado. Massageie suavemente os cabelos para que a tintura se espalhe por toda a cabeça. Enquanto espera o tempo de ação, evite prender os cabelos, usar toucas ou pentear os fios – a manipulação dos cabelos pode influenciar na oxigenação da tintura e causar manchas indesejáveis.

Transcorrido o tempo de ação, retire a tintura com água corrente. Enxágue muito bem os fios, eliminando todos os resíduos até que a água saia totalmente limpa. Não é preciso utilizar nenhum shampoo após a coloração. Os kits costumam vir com um creme de tratamento, esse é o melhor produto para passar após a tintura, pois firmam a cor e protegem os fios.
Agora é só secar os cabelos como de costume e esperar os elogios!
Outras dicas valiosas para colorir os cabelos em casa
  • Se estiver na dúvida quanto à cor, sempre escolha o tom mais claro. Caso o resultado não lhe agrade, então você pode arriscar o tom mais escuro, afinal, é mais fácil escurecer do que clarear o cabelo;
  • Se você deseja variar até três tons para cima ou para baixo, pode arriscar sem medo e dispensar a ajuda de um especialista. Caso você queria mudar radicalmente a cor dos cabelos, o acompanhamento de um profissional pode ser necessário;
  • Quando for escolher a cor, lembre-se de que nenhuma tintura tem o poder de clarear cabelos que já foram tingidos. Para isso, primeiramente é preciso fazer outro procedimento chamado decapagem, que vai retirar todos os resíduos de coloração presentes nos fios e deixá-los prontos para receber uma cor mais clara;
  • Leve em consideração o comprimento e o volume do seu cabelo na hora de comprar a tintura, pode ser preciso comprar dois ou mais kits para conseguir melhores resultados;
  • Faça a prova do toque conforme a indicação do fabricante, assim você se certifica de que não tem sensibilidade ao produto. O procedimento é bastante simples e garante que você não sofrerá nenhuma irritação na pele;
  • Siga exatamente o tempo de ação recomendado pelo fabricante. Ao deixar a tintura por mais tempo nos fios ou retirar antes do tempo total, você interfere na ação normal do produto e pode alterar o resultado final, causar manchas, prejudicar a fixação do produto e irritar o couro cabeludo;

  • Não misture procedimentos químicos sem consultar um especialista. Em geral, quem fez permanente, alisamento ou outro tratamento químico nos fios precisa esperar aproximadamente 30 dias para colorir os cabelos. Durante esse tempo, investir na hidratação é fundamental para garantir que os fios ficarão bonitos e saudáveis depois dos procedimentos;
  • Caso você tenha se descuidado e sua pele ficou manchada após a coloração, existem produtos específicos para remover esse tipo de mancha, à venda em lojas de cosméticos;
  • Depois de colorir os fios, existem alguns cuidados especiais que garantem a duração da cor e evitam o desbotamento: aposte nos shampoos, condicionadores e sachês de tratamento específicos para cabelos tingidos, invista em um protetor solar diário para os fios e abuse da hidratação, que pode ser feita semanalmente.
  • Fonte:  Toda Ela.
 

Arquivo do blog